Tudo é tão desigual






"Oh! Mundo tão desigual

Tudo é tão desigual

Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô!








"Oh! De um lado esse carnaval






"De outro a fome total

Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô!"


(A Novidade, de Gilberto Gil)


Fotos: Gleber Nova


“Ninguém pode assistir a outrem, com eficiência, se não procurou a edificação de si mesmo; ninguém medicará, com proveito, se não adquiriu o espírito de boa-vontade para com os que necessitam, e ninguém ensinará, com segurança, se não possui a seu favor os atos de amor ao próximo, no que se refira à compreensão e ao auxílio fraternais...”
                                                                                           Emmanuel



Bom início de semana.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita.