Acusações sem fundamento





"Há muitas pessoas preocupadas com o mal que os outros lhes possam fazer.

Transferem para o próximo a responsabilidade de seus insucessos e vivem descobrindo inimigos em toda parte, fugindo a uma autoanálise de indispensável lucidez.

Deambulam por caminhos de maldades e acusações.

Com tal conduta, ferem, prejudicam, perturbam os outros e não se dão conta do mal a que se entregam e movimentam, desassisadas.

O mal que reside em cada indivíduo, este sim, torna-o um homem mau, que, assim, se torna um elemento pernicioso no contexto social".

Joana de Angelis/Divaldo Franco


Bom início de semana.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita.