Driblando os imprevistos




Arte/ Tudo na nécessaire


Pela manhã, na garagem de casa, toda a família encontrava-se pronta para viagem de recreio.

Acomodados no carro, os filhos e a esposa, o motorista tentou dar a partida. Entretanto, após várias tentativas inúteis, em que o motor teimava em não funcionar, o chefe da família perdeu a paciência.

Reclamou das crianças que faziam barulho.

Discutiu com a esposa.

Em seguida, lembrou-se de que na véspera tinha levado o carro para oficina com o objetivo de fazer a revisão programada, e começou uma longa lista de reclamações.

Falou que os mecânicos foram irresponsáveis.

Referiu-se a serviço desonesto. Disse que tinha sido explorado.

Por fim, resolveu verificar o motor e, para sua surpresa, lembrou que na noite anterior tinha, ele mesmo, desligado o cabo da bateria para se prevenir de qualquer assalto.

A mensagem faz parte do livro “Histórias da vida”, de Hilário Silva, Editora IDE, 1992.  Ela ensina que, diante dos imprevistos costumamos responsabilizar o próximo, esquecendo que Deus age a todo instante e tudo acontece na hora que tem de acontecer. Portanto, é preciso, sobretudo, ter paciência e manter o equilíbrio.


Bom início de semana. Uma semana de paz para você.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita.