Ser hospitaleiro




Montagem sobre foto/Tudo na nécessaire


Nas escrituras, a hospitalidade é a marca registrada da vida cristã. [...] Mas seu significado vai além de ser um bondoso anfitrião ou abrir nossos lares para convidados.

A palavra "hospitalidade" no grego significa "amor pelos estranhos". Quando Paulo fala sobre "Praticai a hospitalidade" ele está nos convocando a buscar relacionamentos com pessoas que estão em necessidade, e está não é uma tarefa fácil.

O escritor Henrique Nouwen compara estas palavras a maneira de alcançarmos aqueles que encontramos em nossa caminhada pela vida - que possam estar afastados de sua cultura, país, amigos, família, ou até mesmo de Deus. Nouwen escreve: “Hospitalidade, portanto, significa primeiramente a criação de um espaço livre onde o estranho possa entrar e tornar-se a amigo, em vez de inimigo”. Hospitalidade não é para mudar pessoas, mas para oferecer-lhes espaços onde a mudança interior possa acontecer.

Ao habitarmos numa casa, hotel, albergue de uma universidade, cela de prisão ou num alojamento militar, podemos acolher os outros como uma maneira de demonstrar nosso amor por ele. Hospitalidade é dar espaço para as pessoas que tem necessidades.

A mensagem foi extraída do livro "Nosso andar diário" e vem lembrar  bem o nosso compromisso após a passagem do Natal, onde todos nós poderemos esquecer o clima de fraternidade que, hoje, nos envolve. Passado o mês de dezembro, muitos de nós esquecemos que as casas de socorro como abrigos, albergues para doentes, hospitais, orfanatos e tantos outros lugares continuarão precisando de doações e gestos de solidariedade.
Bom início de semana.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita.