Frigideira pequena





Conta uma lenda que num dia de verão, céu azul, um pescador saiu para o o trabalho diário.

Após vários dias de pesca, no alto mar, atracou o seu barco e começou a selecionar o que tinha pescado.

Um turista que passava pelo local, parou e ficou observando o trabalho do pescador, porque cada vez que ele apanhava um peixe, media com uma régua. Os peixes pequenos o pescador colocava dentro de um balde, os que eram maiores de 25 centímetros atirava-os no mar.

O turista estranhou a atitude do pescador. E depois de tanto observar, intrigado, não se conteve mais e perguntou:

- Ei, escute-me! Por que o senhor não inverte este trabalho e guarda os peixes maiores?

O pescador, surpreso, respondeu:

- Moço, minha pesca eu levo para casa e eu não tenho frigideira grande. A minha frigideira só cabe peixes menores.

Quantas vezes desperdiçamos as oportunidades grandiosas que chegam em nossas mãos? Quantas bênçãos nós recebemos e sequer enxergamos? Muitas vezes agimos como o pescador que, em momento algum, pensou em trocar a frigideira. E às vezes ficamos tão apegados aos velhos hábitos que não notamos que a melhora está em pequenas coisas.

Bom início de semana. 

Ótimo mês de dezembro.


Um comentário:

Obrigada pela visita.