As cabras incomodavam mais








Conta-se uma lenda que, certa vez, uma família de camponeses estava passando por sérias dificuldades. A casa onde eles moravam estava quase caindo, a dona de casa e seus filhos estavam doentes e a seca castigava a região atingindo toda a plantação.  Portanto, não havia dinheiro sequer para o camponês comprar os remédios. Desesperado, um dia ele saiu do sitio onde morava e foi até à cidade em busca de uma orientação. Lá chegando, se dirigiu à casa de um senhor idoso que era tido, pela redondeza, como conselheiro devido a sua sabedoria.  O camponês, então, falou:

- Senhor, minha vida só anda para trás, nada dá certo e agora até minha mulher e meus filhos estão doentes.

O velho pensou um pouco e disse:

- O que você deve fazer é colocar dentro de casa uma cabra. Você vai ver que tudo irá melhorar.

O camponês voltou ao sítio, pegou uma cabra e colocou dentro de casa.

Os dias se passaram e nada da situação melhorar, apenas a cabra estava causando transtornos dentro de casa.

O camponês desanimado voltou ao velho e disse que o conselho não havia dado resultados. O sábio pensou e disse:

- Coloque mais outra cabra. Você vai ver que tudo irá melhorar.

Lá se foi o camponês para o sítio... Ele colocou outra cabra dentro de casa.
Mas, a lavoura não crescia e a doença continuava atingindo seus familiares. 

O camponês desiludido foi até ao velho novamente e expôs a situação. O velho mandou que ele colocasse a terceira cabra. Ele obedeceu, mas a situação continuava a mesma. O camponês voltou e recebeu como conselho que ele deveria colocar a quarta cabra dentro de casa. Assim fez, mas a situação continuava sem mudanças significativas. Quando o sábio já tinha receitado a quinta cabra para ser colocada dentro de casa, o camponês já não aguentava mais conviver com os tantos animais. Entristecido e desanimado, o camponês foi até o sábio e contou que estava sem esperanças de ver a situação melhorar. O velho pensou e disse-lhe:

- Tire uma cabra de dentro de casa.  Dias depois, tire outra, depois outra e outra até voltar a viver na sua casa sem qualquer cabra.

O camponês animou-se, e sua esperança e fé foram reacesas. E a cada cabra que retirava de dentro de casa, ele levava ao sábio boas notícias: 

- As coisas estão melhorando, Senhor. A lavoura já está florescendo.  

Em outra ocasião, disse: 

- Minha mulher está quase curada. 

Dias depois, o camponês animado contou: 

- Meus filhos estão bons. 

Quando a quinta cabra foi retirada, o camponês já se sentia um homem satisfeito e alegre porque tudo que fazia ele comparava com o período em que as cabras estavam dentro de casa, incomodando-os.

Esta é uma lenda chinesa. Na vida, às vezes, nos comportamos com esse camponês: Buscamos soluções rápidas e externas para os nossos problemas que se apresentam grandiosos e sufocantes. E muitos desses problemas fazem parte do curso natural da vida, não sendo "privilégio" de qualquer ser humano. Como costumamos fazer comparações, algumas vezes, é necessário que aconteça alguma coisa que incomode mais para que tenhamos a consciência de que o outro problema não era tão grande ou sem solução como imaginávamos. Além disso, aquele outro problema jamais deveria ter paralisado nosso poder de ação, ocupado tanto a mente ou até ter colocado em xeque a nossa fé.

E faltando apenas um dia para o término de 2013 quando, geralmente, fazemos um balanço dos fatos que aconteceram, que possamos analisá-los sob à luz do discernimento e da fé. Tenhamos a certeza que, ao olharmos para trás, veremos a aprendizagem necessária de toda uma vida.

Bom início de semana para você.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita.