Bodas de Prata



Um ano de amizade e muito bate-papo, onde cada um falou de seus sonhos e planejou o futuro.

Oito meses de namoro e encontros todos os dias, logo pela manhã, para ir à Universidade Federal de Pernambuco – UFPE.

Dois anos de namoro por cartas, porque não havia internet. A cada seis meses um reencontro de uma semana, nas férias dele quando vinha ao Recife. 





Um ano e sete meses de noivado.

Há 25 anos, o sim diante de oito pares de testemunhas e dois padres – Monsenhor Isnaldo Fonseca, à época Vigário Geral da Arquidiocese de Recife e Dom Helder Câmara, Arcebispo Emérito de Olinda e Recife. Às 20 horas, do dia 17 de setembro de 1988, eles selaram o nosso compromisso diante do altar e presenciado por mais de cento e cinquenta pessoas, entre familiares e amigos.




A partir daquele dia, celebramos a nossa união.






























O tempo foi passando... e continuamos a celebrar.





















Três anos depois daquele 17 de setembro de 1988, chegaram os nossos filhos. Primeiro Raphael Felipe, arcanjo, enviado por Deus. 

Quatro anos depois de Raphael, recebemos Amanda Carolina, digna de ser amada. Dois troféus e, contrariando o que muitos dizem, jamais atrapalharam as nossas vidas.






Pelo contrário, foi, é e será sempre com eles que passaremos os melhores momentos de nossas vidas. Sempre registrados.




















Mas, também  preservamos e encontramos o nosso espaço. E continuamos nos divertindo.
  





















Rimos.






















Aventuramo-nos. 























E como temos gostos em comum, sempre fomos em busca da história. Porque ainda é prazeroso estarmos juntos...






Mas, também discordamos. E como todos os casais, em muitas ocasiões brigamos intensamente...







Mas, mesmo sabendo que nossas dimensões e forças são bem diferentes...







Optamos por andar lado a lado porque, em nossas veias corre um sangue valente, cangaceiro, nordestino, cor de chumbo... Vai encarar?




Então, continuamos nos respeitando...




Mas, se a vida tem muitas estações, em algumas temos que segurar firme para se apoiar e lembrar do amor “na alegria e na tristeza, na saúde e na doença”.




Porque, nós dois acreditamos que o compromisso que selamos estava escrito em algum lugar do passado, neste imenso universo... 





Um passado que se fez presente, construído por laços afetivos que se concretizaram em família, lar e amor.




E assim se passaram 25 anos.



10 comentários:

  1. E assim se passaram 25 anos...
    Muita conversa, em alguns momentos, poucas conversas em outros, sempre em busca do almejado equilíbrio.
    Uma construção longa, difícil e por isso mesmo prazeirosa, pois o que se consegue muito facilmente, assim mesmo vai embora.
    Após 25 anos, e mais quatro de ajustes, acertos e sonhos, continuamos sonhando juntos.
    Nossos filhos, são belos presentes que nos trazem grandes alegrias.
    Que venham mais 25, e que aprendamos sempre e consigamos contornar sempre as obstáculos do caminho tal como as águas dos rios.
    +q.o. -q.a.
    Everaldo

    ResponderExcluir
  2. Que Deus continue abençoado grandiosamente sua família. Parabéns e muitas felicidadesssssssssss

    ResponderExcluir
  3. Emocionante. Assim como vcs.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns! Que o amor, a paz, a harmonia e o companheirismo continuem presentes em suas vidas.
    Adorei as fotos.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns!! Que mais vinte e cinco anos passem e mostre a felicidade estampada no rosto de vocês. Claudia Melo

    ResponderExcluir
  6. 25 anos de uma bela história. E que venham mais 25!

    ResponderExcluir
  7. Espero que toda essa vida seja um exemplo para seus filhos, parentes e amigos, assim como é para mim. Que Deus conserve esse amor e carinho, tão recíproco e intenso. Que bom observar na vida ainda grandes amores com histórias tão intensas.
    Tudo de bom sempre. A luz divina seja uma constante em vossas vidas. Parabéns!

    ResponderExcluir
  8. Aos pombinhos, meus parabéns!
    Quê venham mais 25 vivendo intensamente...
    Beijos!
    Sineide

    ResponderExcluir
  9. Linda história... e que o amor continue sempre em primeiro lugar. Parabéns e mais 50 anos de muita felicidade. Amo vocês!! bjs
    Edilza COêlho

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita.