Administrando a ansiedade



http://lidiadearo.blogspot.com.br/2011/03/ansiedade-uma-vila-de-tempo.html



Faz alguns meses que meu marido ganhou um livrinho, desses que a gente lê uma página por dia e nos ajuda a melhorar a vibração mental. Compartilho com você um trecho que li nele desejando-lhe, desde já, um início de semana maravilhoso.

“No passado, quantos foram os instantes em que nos pegamos em reflexão, pensando no futuro do trabalho, da família e da própria vida? Preocupação é o que não falta para cada um de nós que vivemos neste século  21, dias de lutas e atribulações. Em grandes cidades [...], onde a quantidade de acontecimentos parece muito maior que em qualquer outro lugar do mundo, há tantas coisas para reflexão e tanto estresse que o nosso nível de ansiedade vai crescendo e tornamo-nos prisioneiros de pensamentos sentimentos aflitivos.

No entanto, isto já é assim há muito tempo. São cerca de dois mil anos que Jesus andou no mundo e já encontrou a ansiedade tomando conta das pessoas a tal ponto que ele precisou alertar o povo que não andasse ansioso com a vida, nem pelo que vestir, comer ou beber... por nada! As escrituras nos ensinam a orar e clamar a Deus, suplicando sabedoria, proteção e consolo em dias difíceis antes de a ansiedade chegar ao nosso coração. Porém, em meio a tudo isso também, devemos mostrar-lhe gratidão pelo livramento, o cuidado e a proteção que ele nos tem proporcionado.

Em todos os dias haverá instantes e momentos difíceis, tensos ou de preocupação, mas Deus afirma que até os cabelos da nossa cabeça são contados e lembra que, por mais que você se preocupe, não pode acrescentar um dia sequer à própria vida. Por isso, faça como a Escritura diz: Ponha em primeiro lugar a sabedoria, o poder, a justiça e tudo mais que vem de Deus, e todas as coisas que você precisa lhe serão acrescentadas.”
                                                               
                                                      Do livro Presente diário, Coordenado pelo Comitê editorial Roland Korber, Editora Rádio Trnas Mundial, 2013.
Beijos.



Um comentário:

Obrigada pela visita.