Qual o seu ritmo?



http://biologiatancredo.blogspot.com.br/2010/09/as-lesmas-gabriel-3a.html



Uma das lembranças mais antigas que tenho da minha infância foi observar as lesmas em nosso jardim.

Eu era fascinado por esta criaturinha com uma concha, um corpinho viscoso e olhinhos que giravam como periscópios. Porém,  o que parecia verdadeiramente incomum era o ritmo demorado dos movimentos da lesma.

Quão lento é esse ritmo?

Um estudo cronometrou uma lesma a 0,012 quilômetros por hora – ou 12 metros em uma hora. Não admiro usarmos a expressão parece uma lesma para nos referirmos a uma pessoa vagarosa.

Embora a lesma se mova em ritmo lento, ela possui uma virtude: a perseverança. O grande pregador do século 19 – Charles Spurgeon, ironicamente observou: “Pela perseverança a lesma chegou até a arca.”

De acordo com o apóstolo Paulo, a perseverança é uma peça-chave no desenvolvimento do caráter. Ele explicou que “a tribulação produz perseverança” (Romanos, 5:3), e sobre este alicerce colocam-se a experiência e a esperança (Romanos, 5:4).

A palavra grega original traduzida como perseverança significa determinação, constância e resistência. Era usada para referir-se aos cristãos que permaneciam firmes em sua caminhada de fé, apesar de provações muito árduas.

Os reveses diminuíram o seu ritmo?

Seja otimista. 

Deus não exige uma chegada rápida. Ele espera o progresso contínuo. E grandes conquistas requerem enorme perseverança.


Mensagem extraída do livro Nosso andar diário, edição 2011

Bom início de semana. Estabeleça seu ritmo e continue agindo.




 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita.