O poder das frutas





Consumir frutas diariamente, ao menos três porções por dia, é a recomendação de médicos e nutricionista. Elas são fontes de vitaminas e nos protegem contra várias doenças, fortalecendo nosso sistema imunológico.





Veja:
Descascar um abacaxi não é tarefa muito agradável, às vezes até fere os nossos dedinhos, mas ela é uma fruta digestiva e contém vitamina C, auxiliando na formação óssea das crianças e adolescentes. É ideal para bronquites e enfermidades da bexiga.
Já a acerola, uma fruta muito conhecida na região nordeste, tem o poder de acelerar a cicatrização pós-cirúrgica, reduzir ataques cardíacos e combate gripes e resfriados devido à grande quantidade de vitamina C.




A banana, fácil de encontrar em qualquer época do ano e com um preço bastante acessível, o que a torna popular, é rica em potássio,  um nutriente que regula as contrações musculares, fazendo ser a fruta preferida pelos atletas.  Além disso, a banana pode ser utilizada no tratamento de úlceras gástricas e nervosas. Consumir esta fruta, diariamente, ajuda a combater os efeitos do estresse no organismo porque ela fornece triptofano, hormônio precursor da serotonina, responsável pela sensação de bem estar, humor e relaxamento, segundo a nutricionista Cristina Prado. Há várias maneiras de consumir banana: cozida, amassada, em doce, num bolo ou em outra qualquer combinação.


 O caju, rico em vitamina C, combate os radicais livres e ajuda na prevenção de hemorragias. Aumenta a absorção de vitamina A, cálcio, ferro e potássio. 

Também com muita vitamina C, A e B1 é a goiaba, indicada no tratamento de resfriado, mas também nos casos de infecção e tumores.
Quem já comeu os bagos de graviola ou provou seu suco e sorvete sabe o quanto ela é deliciosa. Além disso, ela possui, cálcio, fósforo, vitaminas B1 e B2, sendo uma fruta que trata  reumatismo e inflamação. Como se trata de uma fruta ácida, não deve ser consumida por pessoas que tenham afta ou problemas estomacais.  A fruta não tem um período de safra definido.
Está no período da safra de manga no nordeste. O Brasil é um dos maiores produtores de manga do mundo. Apresentando espécies variadas, a manga é um bom diurético, combate bronquite e possui ação protetora para pele e mucosas. Também auxilia no tratamento de resfriados.



A uva é rica em fósforo, um nutriente essencial para a formação dos dentes e ossos, importante para o crescimento de crianças e adolescentes. Um dos grandes produtores de uva é a região do Sertão de São Francisco.

Azeda, mas indicada para artrite, febre e diarréia é a pitanga. Ela contém vitaminas A, C, complexo B, cálcio, ferro e fósforo. O chá da folha da pitanga é muito usado para diminuir a diarréia.
Quem tem anemia, não pode desprezar a pinha ou fruta-do-conde, uma fruta usada também para combater a desnutrição. Ela é rica em vitamina C, potássio e complexo B. Mas, por ser muito rica em açúcar, deve ser evitada nas dietas para emagrecer.





Você sabia que a ameixa é uma fruta bastante calórica? Contudo, pelo seu teor laxativo é indicado para quem tem prisão de ventre. A ameixa contém fósforo, vitaminas A, B e fibras.

Para proteção contra infecções e auxiliar na prevenção de doenças da retina, use o cajá. Seu suco é uma delícia e contém ferro, fósforo e vitamina A.

Fácil de encontrar nos supermercados e feiras-livres, a pêra é rica em vitaminas A, C, B1, B2, B3  e contém sódio, potássio, enxofre, magnésio, silício e ferro. A fruta tem poucas calorias, fortalece o fortalecimento do sistema nervoso, evita queda de cabelos, além de combater a prisão de ventre e inflamação de intestino e bexiga.


O morango, uma fruta sazonal no nordeste, tem ação anti-viral e anti-cancerígena. Serve como diurético, anti-térmico e anti-artrítico. Possui vitamina C e minerais básicos.
E o maracujá, conhecida por seu efeito calmante, é uma fruta rica em carboidratos, combate o estresse e ansiedade. Possui vitaminas A, C e complexo B.
Mas, se depois de saber tudo isso você diz que não gosta de comer frutas, aí vai um detalhe para mudar de hábito ligeirinho: elas emagrecem quando consumidas nos intervalos das principais refeições. 



Um comentário:

  1. Delícia de dicas! Eu amo frutas e como umas 4 por dia. Ontem comi caqui, melão, coco seco e fruta do conde (pinha). Não gosto de banana, mas a médica insiste pra que se coma uma por dia, só que às vezes eu não consigo!

    beijoooo

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita.