Hidratação com tutano de boi


Dificilmente hoje, existe uma mulher que não tenha submetido os cabelos a qualquer tratamento químico, seja uma tintura ou relaxamento. Apesar de ser uma resposta a busca de um ideal de beleza, esses métodos agridem os fios e exigem maiores cuidados diários, que vão desde ao uso de um bom xampu até a hidratação.

 
Aprendemos, com o beabá dos cabeleireiros, algumas diferenças sutis dos tratamentos capilares:
Você precisará de uma hidratação quando o seu cabelo tem perda de água e aparência ressecada. Alguns fatores contribuem para isso: exposição prolongada ao sol, vento e produtos químicos. A hidratação requer uma periodicidade semanal ou quinzenal,  favorece o brilho e controle dos fios. Mas, antes de aplicá-la, os cabelos devem estar bem limpos.

Mas, se você tem cabelos volumosos, com pontas duplas, causando a sensação que estão constantemente arrepiados, chegou a hora de fazer uma cauterização, uma hidratação mais profunda que exige sua aplicação mensal ou a cada 20 dias, dependendo do caso. A cauterização recompõe a perda de queratina dos cabelos, provocada por agentes como alisantes e tinturas. Ela é aplicada após os cabelos estarem lavados e, ligeiramente, úmidos. O repositor é aplicado mecha por mecha. Após a lavagem, os cabelos são penteados e escovados.
Há também a reconstrução capilar, aconselhada pelos cabeleireiros, para devolver a vida aos cabelos danificados e repor os aminoácidos que, junto com a queratina, fortalecem os fios, evitando que fiquem quebradiços.
Na verdade, são tantas técnicas para melhorar a aparência dos cabelos, que optamos por danificá-los, que uma receitinha caseira cai como uma luva, principalmente, quando não dispomos de 3 ou 4 horas livres para esperar dentro de um salão de beleza.

Quando digo optamos por danificá-los, estou apenas fazendo uma alusão a nossa eterna insatisfação com os cabelos. Qual a mulher que está eternamente feliz com os cabelos dados por Deus? Aliás, a palavra “eternamente” não se aplica mais aos cabelos das mulheres, nem dos homens.
Se os cabelos são lisos, gostaríamos de tê-los com cachos; se cacheados desejamos lisos; se são rebeldes (porque hoje ninguém tem cabelo ruim) sonhamos com um relaxamento e por aí seguem os nossos desejos...
Hidratação com tutano de boi é uma receita caseira testada, ou seja, eu já fiz várias vezes. O resultado é muito bom e melhora bastante o ressecamento do dos fios. Você vai precisar de poucos ingredientes. Primeiro, compre ossos de boi. Aconselho você falar com um açougueiro e pedir que ele separe uns três grandes ossos, com tutano. Não será preciso usar os três, de uma só vez. Você pode congelar os outros dois e usá-los, oportunamente. 
Modo de preparar:
Retire o tutano do osso com o auxílio de uma faca. Coloque numa panela de terflon e espere que derreta. Caso não tenha panela de terflon, derreta em banho-maria. Ficará um óleo. Passe-o na peneira. Em seguida, acrescente 1 ampola de vitamina A e uma porção de creme hidratante. Tanto a ampola quanto o creme você adquire nas lojas de produtos para cabelo. Misture tudo e aplique nos fios. Use uma touca metalizada por uns 30 minutos. Enxágue com água fria.
Como os cremes hidratantes são cheirosos, não se preocupe que os cabelos não ficarão com o odor do tutano. Agora é só escová-los.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Comentários e sugestões são bem-vindos.