Mãos de fada





Impor as mãos e curar está nos relatos bíblicos. A energia que emana de nossas mãos, aliados a técnica pode fazer milagres incríveis. Não escapa desta afirmação a drenagem linfática porque, dependendo de quem aplica, ela pode fazer bem ou mal. Segundo Landy Lira, empresária e esteticista da Clinform, isso se explica porque é com as mãos que o profissional irá estimular o sistema linfático e permitir o escoamento de líquidos e toxinas até os gânglios,  para serem eliminados pelo corpo.

A drenagem linfática também permite redução de medidas e gordura localiza. É por isso que com a proximidade do verão, a procura pelas clínicas de tratamento estético aumenta. O Tudo na nécessaire conversou com Landy Lira. Confira! 

Tudo na nécessaire: A drenagem linfática é uma técnica antiga?

Landy Lira: Podemos dizer que drenar os vasos linfáticos com as mãos é uma técnica desenvolvida há mais de cem anos e descoberta pelo cirurgião Winwater, depois aperfeiçoada pelo terapeuta Emil Vodder e sua esposa, já no século passado. Inicialmente, Vodder observou que alguns de seus pacientes sofriam de retenção de líquido, constipação, gânglios alterados e que ao massageá-los havia melhoras relevantes. A partir disso, surgiram as pesquisas que comprovaram a técnica.

Tudo na nécessaire: Quais os benefícios que a drenagem linfática provoca em nosso organismo?

Landy Lira: Primeiro, podemos afirmar que a drenagem linfática fortalece o sistema imunológico contra muitas doenças e infecções. Porque como ela estimula a eliminação das toxinas, facilita a circulação sanguínea, promove o relaxamento muscular e reduz a ansiedade. Além disso, a drenagem linfática combate os edemas, aumenta a oxigenação e renovação celular, alivia dores e cansaços musculares principalmente em pacientes gestantes e nos pós-operatórios. Outro benefício é a redução de celulites. No caso da drenagem linfática facial, o paciente que sofre de sinusite perceberá uma melhora efetiva no seu quadro clínico



 
Tudo na nécessaire: Em quais situações a drenagem linfática é recomendada?

Landy Lira: No tratamento de insônia; no pré e pós-operatórios de lipoaspiração, cirurgias plásticas;  após uma mastectomia ou traumatismos. Ela também é indicada na redução de celulite (fibro edema gelóide), gordura localizada, gestação, tensão pré-mestrual e ansiedade.


Tudo na nécessaire: Com quantas sessões o paciente percebe o benefício desta técnica?

Landy Lira: Isso dependerá do caso do paciente e objetivo do tratamento. Alguns resultados são percebidos imediatamente, no caso de edemas. Geralmente, a partir da quarta sessão o paciente já observa os benefícios. Ressalto, entretanto, que cada caso é específico e deve ser avaliado por um profissional competente.

Tudo na nécessaire: Quando se está na sessão de drenagem, o que acontece com o nosso organismo?

Landy Lira: Começa a desobstrução das linfas. Podemos comparar às águas retidas nas caneletas. Com a drenagem, ela será liberada. Os movimentos que fazemos com as mãos, aliviam a pressão exercida no organismo pelo excesso de líquidos retidos. Este excesso é enviado aos gânglios linfáticos que liberam os líquidos, que são recolhidos pela bexiga e eliminados pela urina. É um alívio instantâneo. É importante ressaltar que o profissional que está aplicando a técnica deve manter concentração e vigilância mental constante, ou seja, manter um estágio de espiritualização que permitirá a emanação de energias positivas para o paciente, proporcionando-lhe também  harmonia e equilíbrio energético.




Clinform - Clinica de Estética
Av. Visconde de Suassuna,  nº 787 - sala 6

Santo Amaro - Fone: (081) 3231-0495



            



Um comentário:

  1. Parabéns!! Artigo muito bem elaborado e esclarecedor.

    Rochester Ricardo

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita.